Doce da Montanha

                                 

Em 1999, o idealizador do projeto Doce da Montanha, após pesquisa de
mercado, identificou uma carência muito grande na área de produtos
dietéticos, pois havia poucos produtos e os já existentes tinham um
sabor residual muito intenso. 

Portanto, para lançar uma linha de produtos diferenciados, que realmente
entendesse o desejo dos diabéticos e de pessoas preocupadas com a
qualidade de vida, esses doces deveriam atingir simultaneamente dois
objetivos:

ADOÇAR A VIDA DAS PESSOAS
SEM PREJUDICAR SUA SAÚDE
E ISENTÁ-LAS DO SENTIMENTO DE CULPA
POR ESTAREM CONSUMINDO DOCES.

Dispostos a oferecer esse resultado, muitos testes baseados em receitas
tradicionais de Minas Gerais foram realizados. Porém, dois ingredientes
foram indispensáveis: dedicação e paciência, pois estavam sendo
desenvolvidos produtos sem adição de açúcares, cujas características
deveriam ser iguais às dos doces tradicionais, tais como: dulçor, textura,
cor, sabor e qualidade.


Finalmente o esperado!


A criteriosa e tão aguardada linha de doces foi lançada podendo,
então, fazer parte das delícias da culinária mineira. Utilizando o
edulcorante sucralose, comercialmente conhecido como Splenda,
conseguiu-se eliminar o gosto amargo dos adoçantes comuns, com
peculiaridades: não provoca cáries e por não fornecer calorias,
resulta em produtos com menor valor energético. Doces de Leite,
balas, geléias, doces cremosos, doces em calda, brigadeiro, cocadas,
leite condensado, entre outros fazem parte dessa linha. Todos dietéticos
e devidamente registrados nos órgãos de fiscalização competentes. 


O Doce da Montanha é diferente de tudo que você conhece, pois a
qualidade é aplicada em seus produtos. Boas práticas de fabricação,
atendimento, marketing e espírito de equipe fazem parte desse conceito.
São fabricados e comercializados produtos que valorizam o paladar e o
bem-estar de seus consumidores, assim, o resultado financeiro, o sucesso
do negócio e o crescimento da empresa são apenas consequências, já
que a qualidade vem sempre em primeiro lugar. 


O Doce da Montanha pode ser consumido e apreciado por todos,
inclusive por crianças e gestantes, assim como por diabéticos.
Para estes sugere-se a orientação médica e/ou de nutricionista. 
O insuperável sabor desses doces está mudando a
visão dos adeptos de produtos dietéticos.